• denuncias
  • peticionamento
  • Mediação
  • mov procedimentos
  • autenticidade de documentos
  • administracao publica
  • fraudes trabalhistas
  • liberdade sindical
  • meio ambiente
  • promocao igualdade
  • trabalho escravo
  • trabalho infantil
  • trabalho portuario
  • Não categorizado
  • Abril Verde: MPT, TRT, APEAMB e mais de 20 entidades parceiras realizam o 1º Passeio Ciclístico do Abril Verde em João Pessoa
  • carrossel site mpt
  • 17-MINISTERIO-1900A-TRABALHO INFANTIL-OUTDOOR - Copia
  • banner yt
  • campanha ARTISTAS MODELO certo ok
  • NRS
  • banner jornal 18demaio
  • versão site

Abril Verde: MPT, TRT, APEAMB e mais de 20 entidades parceiras realizam o 1º Passeio Ciclístico do Abril Verde em João Pessoa

Neste domingo (23/04), o Ministério Público do Trabalho na Paraíba (MPT-PB), o Tribunal Regional do Trabalho (TRT13), a Associação Paraibana de Engenheiros Ambientais (APEAMB), além de mais de 20 entidades parceiras e grupos de pedal de João Pessoa realizarão o 1º Passeio Ciclístico do Abril Verde.

 

A concentração acontecerá às 7h, na Praça da Independência, na Capital, onde haverá o plantio de uma muda de ipê roxo, a doação de mudas de várias espécies com a população e a distribuição de camisas. O evento é aberto a trabalhadores e a toda a sociedade, que podem se inscrever doando dois quilos de alimentos não perecíveis.

 

Segundo a procuradora do Trabalho Marcela Asfóra, o passeio segue às 8h da Praça da Independência com destino ao Busto de Tamandaré, na praia de Tambaú. Na chegada, haverá um café da manhã (com mesa de frutas), serão disponibilizados serviços de saúde gratuitos (como aferição de pressão e teste de glicemia) e será realizado o sorteio de cinco bicicletas entre os inscritos presentes.

 

 

Camisas

 

De acordo com a procuradora, os primeiros 250 inscritos ganharão camisas personalizadas do passeio. “As camisas serão entregues no dia do evento e ficarão reservadas até as 07h30. Após este horário, elas serão entregues aos inscritos presentes no local da concentração. Todos os alimentos arrecadados serão doados à Associação São José, em Mangabeira”, informou Marcela Asfóra.

 

Parceiros

 

O 1º Passeio Ciclístico do Abril Verde é uma iniciativa conjunta entre: MPT-PB, TRT13, SINTEST PB, AEST PB, MTB/SRTE PB, CEREST REGIONAL e CEREST ESTADUAL, CREA-PB, GETRIN 13, SINDUSCON JP, SINTRICOM, SINTTEL, SINECOM, APEAMB, Federação Paraibana de Ciclismo, Cagepa, Prefeitura de João Pessoa, Chatô Bike, grupo de ciclismo Pedal Jampa, entre outros.

 

Como se inscrever

 

Para participar, os interessados devem doar dois quilos de alimentos não perecíveis. As inscrições poderão ser realizadas antecipadamente nas seguintes lojas:

 

1- Center Bike – Avenida Josefa Taveira, n. 863, Mangabeira, telefone 3213-1084. Aberto das 9h às 17h.

2- Shopping das Bicicletas – R. Barão do Triunfo, 347 - Varadouro, João Pessoa - Telefone: (83) 3031-4977. Aberto das 08h30 às 17h30.

3- X Bike - João Maurício, 761 - Manaíra, João Pessoa - Telefone: (83) 3247-7565. Horário: das 9h às 12h e das 14h às 18h. No sábado, aberto até as 11h.

4- Quiosque de André Pirulito do Pedal Jampa – Av. Epitácio Pessoa (vizinho ao Supermercado Extra. Das 7h às 17h.

 

Mais informações podem ser obtidas com Chateaubriand, da Chatô Bike (98807-5479).

 

 

DADOS / ABRIL VERDE - NA PARAÍBA - Afastamentos por doenças e acidentes

 

De acordo com dados do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS):

 ü  A cada hora - 3 trabalhadores na Paraíba são afastados das suas atividades por doenças e acidentes de trabalho.

 ü  Por dia - São 74 afastamentos, em média.

 ü  Só em 2015 - Foram concedidos cerca de 27 mil benefícios na PB (auxílio doença e auxílio doença por acidente do trabalho), média de 2 mil trabalhadores doentes por mês, segundo o INSS.

ü  Gastos de R$ 280 milhões - Foram gerados aos cofres públicos e parte disso poderia ser evitado com prevenção. 

(Fonte: Instituto Nacional do Seguro Social INSS)

 

 NA PARAÍBA – Acidentes de trabalho

 

 

 ü  Mais de 5 mil acidentes de trabalho são registrados todos os anos.

 ü  Mais de 70% - das vítimas são do sexo masculino com idade entre 20 e 44 anos.

 ü  Portanto, trabalhadores jovens, que estão em plena idade produtiva, o que gera grande prejuízo econômico e social aos cofres públicos e a toda sociedade. 

(Fonte: Núcleo de Segurança e Saúde no Trabalho do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), com base no Anuário Estatístico de Acidentes de Trabalho 2013).

 

 

CONTATOS:

Henriqueta Santiago – Jornalista

Giovana Ferreira – Estagiária­

(83) 3612 – 3119 – Ascom / MPT

Imprimir

  • banner pcdlegal
  • banner abnt
  • banner corrupcao
  • banner mptambiental
  • banner transparencia
  • banner radio
  • banner trabalholegal
  • bunner yt ok
  • Portal de Direitos Coletivos
  • nr